domingo, 21 de junho de 2009

Encontrei o "Engenhão" da África do Sul

Jogo entre Estados Unidos e Egito. No mesmo instante em que o Brasil decide seu futuro contra a Itália. Eu aqui, bem longe do acontecimento que a maioria está de olho.Final da primeira fase, demorou um pouco, mas eu acabei encontrando mais uma história comum entre Brasil e África do Sul. O Royal Bafokeng, de Rustenburg, carrega consigo muita semelhança com o Estádio do Engenhão, no Rio de Janeiro, construído especialmente para os Jogos Panamericanos de 2007. Os motivos da semelhança eu vou enumerando abaixo.

A primeira semelhança que pude observar: o local onde ele foi construído. Num bairro bem afastado dessa bela cidade distante (gastamos 3 horas de carro em estrada sem buracos, mas de muito trânsito e de muito risco).

Ele parece um "elefante branco", com o perdão do bicho tão simpático que vive por essa redondeza, e deixa a nítida impressão de que, ano que vem, depois da Copa do Mundo, irá transformar-se em uma obra de pouca utilidade e de muito desperdício de dinheiro. Seja ele público ou não. Vai doer do mesmo jeito levando-se em consideração a pobreza que está escondida ao redor dessa imponente construção.
Será que o Brasil vai repetir esse "sucesso" sulafricano, na próxima Copa do Mundo ?

video

Nenhum comentário:

Postar um comentário